FPMRAH e ANAJURE emitem Nota Pública sobre o atentado terrorista do Estado Islâmico no Líbano

0

[Leia a Nota em PDF]

Nota

 

A Frente Parlamentar Mista para Refugiados e Ajuda Humanitária e a ANAJURE – Associação Nacional de Juristas Evangélicos, por seus respectivos representantes, vem, através do presente expediente, expor ao Governo Brasileiro, à Comunidade Internacional e sobretudo, ao governo do Líbano, as suas condolências e o seu repúdio com relação ao que adiante se explicita:

1)  Na noite da última quinta-feira (12/11), o grupo terrorista Estado Islâmico reivindicou a autoria do duplo atentado suicida em Burj el-Barajneh, sul de Beirute, capital do Líbano. De acordo com o balanço divulgado pela Cruz Vermelha e confirmado pelos policiais libaneses, 43 pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas, muitas delas em estado crítico.

2)  Desse modo, expressamos o nosso repúdio a mais esse crime bárbaro cometido pelo Estado Islâmico, o qual tem sido responsável pelo genocídio de várias minorias étnicas e religiosas no Iraque e Síria, como cristãos, mandeus, yazidis e curdos. O grupo jihadista, tem buscado se configurar no sistema internacional como um estado soberano de fato e de direito, e para isso tem recorrido a práticas brutais que violam completamente todas as normas e regimentos da sociedade internacional.

3)  Nós lamentamos profundamente os acontecimentos recentes no Oriente Médio, sobretudo este último atentado terrorista no Líbano e oferecemos as nossas condolências e sentimentos ao Governo Libanês e aos familiares e amigos das vítimas. Aproveitamos a ocasião para louvar o Governo do Líbano pelos seus esforços constantes para manter a paz e estabilidade do país apesar das complexidades de sua política interna.

4)  O Líbano é um dos poucos países no Oriente Médio onde a liberdade religiosa é assegurada e cristãos e muçulmanos vivem em paz e compreendemos que essa é umas das razões pelas quais tem sido um dos alvos do Estado Islâmico, que desconhece por completo o que significa tolerância e diversidade. Por isso, esperamos que o governo libanês continue comprometido a promover tais valores em sua sociedade e se empenhe ainda mais na luta contra o terrorismo, tomando as medidas cabíveis para punir os responsáveis por este terrível atentado.

5)  Aproveitamos esta nota para parabenizar o Governo Brasileiro, que por meio do Ministério das Relações Exteriores, manifestou-se na manhã de hoje (13) repudiando o atentado e se solidarizando com o povo e o Governo Libanês. Cremos que esse ato terrorista afeta profundamente o povo brasileiro, uma vez que a nossa sociedade também é formada por um número expressivo de libaneses que migraram para o nosso país, trazendo grandes contribuições para a nação e fazendo com que hoje muitos brasileiros tenham sangue libanês correndo em suas veias.

  Brasília- DF – Brasil, 13 de Novembro de 2015.

Assinaturas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui