Pedidos de oração pela Indonésia

0

indonésia

A Indonésia, maior nação de maioria Muçulmana do mundo, tem um longo histórico de respeito a outras religiões. Mas, infelizmente, o recente levante de militantes Islâmicos está abalando esta tradição louvável, e muitas crenças minoritárias estão sofrendo as consequências. 

O relatório referencial da CSW destacando os desafios enfrentados pela Indonésia se a liberdade de religião não for respeitada será lançado publicamente em 25 de fevereiro, com objetivos de salientar as preocupações com a liberdade religiosa às vésperas das eleições, que ocorrem no final do ano, levantar a questão junto ao Parlamento e pessoas de influência da União Europeia, Nações Unidas e Congresso Americano, e pedir à comunidade internacional que force a Indonésia a levar em consideração as questões de liberdade religiosa.

Por favor, ore:

* Para que Deus proteja o Pr. Bernhard, cuja igreja ficou traumatizada após violentos ataques;

* Para que o governo intervenha quando grupos radicais agirem contra minorias religiosas;

* Pelas igrejas que estão vivendo o medo de serem fechadas; peça a Deus para dá-los paz e proteção;

* Peça a Deus para dar lugares alternativos de reunião para igrejas cujas propriedades foram forçadas a fechar pelas autoridades;

* Pelos líderes da igreja que tentam pastorear suas congregações em circunstância de extrema dificuldade. Ore particularmente pelo Reverendo Palti Panjaitan, líder da Igreja Filadelfia HKBP. A igreja teve sua permissão de construção recusada e alguns membros querem pagar propina para que haja a permissão, em vez de terem que fechar suas portas. O Rev. Palti precisa de sabedoria para lidar com conflitos dentro de sua congregação;

* Agradecendo pela recente libertação de Alexander Aan;

* Para que o governo Indonésio permita que o Relator Especial das Nações Unidas sobre liberdade de religião ou crença visite o país.

    
_________________________

FONTE: CSW
TRADUÇÃO: Jorge Alberto l ANAJURE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui