ANAJURE recebe carta com informações sobre o EGITO

0

egito 30 de junho

Queridos amigos,

No dia 30 de junho, um número estimado em 17 milhões de egípcios saiu em todo o Egito para depor Mursi e o partido da Fraternidade Muçulmana.

Mesmo nos arredores de sua própria vizinhança, cerca de 1 000 pessoas foram às ruas. Os apoiadores de Mursi estão em uma junção no Cairo, enquanto os protestantes opositores preencheram a Praça Tahrir, Itihadja e as imediações do Ministério da Defesa, bem como o Cornish perto da Maspiro (emissora de TV. 900 feridos e 14 mortos.

É um protesto incrível, com pessoas de todas as idades e camadas da sociedade que desejam liberdade, justiça, igualdade e dignidade. Todas estas pessoas foram corajosas o suficiente para sair às ruas de modo pacífico. Infelizmente, na manhã da segunda-feira recebemos notícias de que 900 foram feridos e 14 mortos. O protesto foi organizado por um grupo de jovens chamado Tamarud. Eles começaram a coletar assinaturas para depor o presidente e seu partido cerca de dois meses atrás. Eles coletaram 22 milhões de assinaturas.

 

As demandas dos protestantes eram:

 

Renúncia do presidente e seu governo;

Um governo de transição formado de tecnocratas;

Elaboração de uma nova constituição por todos os setores da sociedade Egípcia;

Novas eleições após a elaboração da nova constituição.

Por favor, ore por uma transição pacífica de volta à liberdade, por uma nova constituição que dará liberdade religiosa e igual cidadania a todos. Por favor, orem por uma nova eleição em 6 meses.

Atenciosamente,

 

Kamal Fahmi


Líder da Set My People Free.

________________________

TRADUÇÃO: JORGE ALBERTO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui