Grupo internacional de parlamentares que trabalham pela liberdade religiosa no mundo se reunirão na Noruega neste fim de semana

0

Errata: A assinatura da carta ocorre ao meio dia deste sábado (08), pelo horário de Brasília, e não às 18 horas.

 

Evento também terá presença do presidente da ANAJURE

parlamentares no IPP

O grupo de parlamentares internacionais teve seu primeiro encontro no mês de junho deste ano em Oxfdord, Inglaterra (click aqui), com representantes do Brasil, Canadá, Estados Unidos, Noruega, Suécia, Turquia e Grã-Bretanha.

 

Em Oslo, Noruega, de 6 a 9 de novembro será realizada a segunda edição do International Panel of Parliamentarians for Freedom of Religion or Beliefque se trata de uma coalizão global de líderes parlamentares sobre liberdade religiosa. O encontro terá participação de políticos e ONGs da Ásia, Europa, América do Norte e América do Sul. Na ocasião, o Brasil será representado pelos Deputados Federais Leonardo Quintão e Roberto de Lucena, que foram indicados pela ANAJURE e estarão acompanhados pelo Dr. Uziel Santana, presidente da ANAJURE.  

O projeto, que tem liderança da Baronesa da Câmara dos Lordes, Elisabeth Berridge, que também é presidente do All Party Parliamentary Group on International Freedom of Religion or Belief da Inglaterra, tem como objetivo a formação de uma rede parlamentar mundial com representantes de vários países que trabalhem pelo cumprimento do artigo 18 da Declaração Universal de Direitos Humanos, que fala sobre a liberdade de expressão e religião, na esperança de organizar uma resposta internacional contra governos autoritários que perseguem cidadãos e contra grupos radicais que usam a força e a violência para impor sua religião a outras pessoas. 

"Os desafios na área da Liberdade Religiosa são enormes, especialmente, no contexto dos países que violam, com violência física real, o art. 18 da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Ontem mesmo o mundo recebeu chocado a notícia do assassinato de um casal paquistanês cristão que foi brutalmente morto, simplesmente pelo fato de serem cristãos. No Iraque e Síria, temos visto o genocídio em massa de cristãos. Por outro lado, em países como o Brasil, cresce a chamada “violência simbólica”, onde, apesar de não haver violência física, cresce o fenômeno da desconstrução de valores religiosos através de teses secularistas e laicistas. Por tal razão, para nós da ANAJURE, participar de uma coalizão internacional deste nível, com a presença da ONU, é fundamental para as nossas pretensões de defesa irrestrita da Liberdade Religiosa. Agradecemos o convite aceito e o desafio compromissado dos deputados Quintão e Lucena a fim de liderarem este processo no parlamento brasileiro”, disse o Dr. Uziel Santana.

Com transmissão ao vivo pela internet neste link, ao meio dia (horário de Brasília) do próximo sábado (8), os parlamentares presentes no Encontro assinarão esta carta assumindo o compromisso de lutar em favor da Liberdade de expressão e religião, conforme o artigo 18 da Declaração Universal de Direitos Humanos.

A entrada do Brasil neste projeto é fruto da parceria internacional da ANAJURE com a Comissão de Liberdade Religiosa Internacional dos Estados Unidos (United States Comission on International Religious Freedom  – USCIRF). 

_______________________
Por Wanda Galvão l ANAJURE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui